Check in Depressão
6 Outubro 2021, 22:34 | 1225 visualizações
      
Perante o atual contexto pandémico que vivemos há mais de 1 ano e meio, as Farmácias da Rede Claro, em parceria com a APIP e a Viatris, sensibilizaram a sua comunidade para os problemas relacionados com a Depressão. 
<p>Os problemas de sa&uacute;de mental afetam v&aacute;rias &aacute;reas da vida pessoal, familiar e profissional das pessoas. Por&eacute;m, viver com problemas de sa&uacute;de mental em Portugal est&aacute; ainda associado a um forte estigma e discrimina&ccedil;&atilde;o.</p>

<p>De acordo com a Sociedade Portuguesa de Psiquiatria e Sa&uacute;de Mental, a depress&atilde;o &eacute; uma doen&ccedil;a que afeta cerca de 20% da popula&ccedil;&atilde;o portuguesa, sendo a doen&ccedil;a mental que mais afeta os portugueses. Mais de 300 milh&otilde;es de pessoas em todo o mundo sofrem de depress&atilde;o, doen&ccedil;a que, segundo a Organiza&ccedil;&atilde;o Mundial de Sa&uacute;de (OMS), mais contribui para a incapacidade para a atividade produtiva e a que mais conduz ao suic&iacute;dio.</p>

<p>Sob o tema &quot;Depress&atilde;o &eacute; uma doen&ccedil;a, n&atilde;o &eacute; uma escolha!&quot;, as Farm&aacute;cias da Rede Claro, em conjunto com a APIP - Associa&ccedil;&atilde;o Portuguesa de Internos de Psiquiatria - e com o parceiro Viatris, implementaram, no passado m&ecirc;s de&nbsp;setembro, a a&ccedil;&atilde;o de sensibiliza&ccedil;&atilde;o <strong>Check in Depress&atilde;o.</strong> As Farm&aacute;cias sensibilizaram a popula&ccedil;&atilde;o&nbsp;para a correta gest&atilde;o da doen&ccedil;a e a import&acirc;ncia de um diagn&oacute;stico mais precoce da depress&atilde;o, atrav&eacute;s da implementa&ccedil;&atilde;o de um question&aacute;rio sobre Sa&uacute;de Mental,&nbsp;question&aacute;rio foi desenvolvido no sentido de perceber os impactos que a pandemia tem/teve na popula&ccedil;&atilde;o portuguesa, nomeadamente na sua sa&uacute;de mental, traduzindo-se em sinais e sintomas de Ansiedade e/ou Depress&atilde;o.</p>

<p><strong>Acreditamos que s&atilde;o este tipo de a&ccedil;&otilde;es aproximam as Farm&aacute;cias das comunidades em que est&atilde;o inseridas. </strong></p>
Clique para listar as tarefas